Go ahead, punk. Make my day.

Resumo (17 a 23 jan)

AVATAr poster_special_editionAvatar (Idem, 2009). De James Cameron

Não é à toa que Avatar foi o filme mais discutido, amado e odiado da década passada. De visual que demorará a ser igualado, o longa de James Cameron é uma aventura de roteiro politicamente correto que não chega a ser original, mas no que se propõe, faz acertadamente: tem mensagem ecológica sem forçação de barra, trama redonda e personagens que, se não magistrais, são construídos de maneira sólida. Tudo bem que a estrutura da narrativa lembra, em alguns momentos, o outro megassucesso do diretor, Titanic (bem com oa trilha sonora, talvez o ponto mais fraco de Avatar). Além do fato do filme apelar para uma solução fácil demais em determinado ponto do terceiro ato – sem estragar surpresas: Eywa toma partido. Contudo, a empolgante ação do filme somada à competência do Cameron na criação de um mundo de forma tão meticulosa e paranóica que iria orgulhar até um Stanley Kubrick, levam o espectador ao delírio que só pode ser comparado às guinadas de outros clássicos da ficção-científica como 2001 – Um Odisséria no Espaço, Blade Runner e mais recentemente Matrix. Quem assistiu a Avatar em 3D sabe da imersão do longa, que não apela para objetos sendo jogados na cara da platéia para fazer a terceira dimensão ser percebida. Sutileza dentro de um blockbuster que causou reações típicas de obras cuja relevância desperta paixão ou asco. Se a bilheteria é a maior da história, esse é um assunto à parte, o foco deve estar no que a fita tem a mostrar. E uma coisa, pelo menos, é consenso: os olhos terão deleite ímpar. Nota: 9

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s