Go ahead, punk. Make my day.

Filmes na Prateleira

filmes

Ah! A difícil vida de um colecionador de filmes… Você pode pensar: “Que lamúria mais chata!”. OK, que seja, mas cada um com suas obsessões. A minha nos últimos dez anos tem sido comprar filmes. O advento do DVD me ajudou muito… Peraí, eu disse dez anos? Olhando para o lado e vendo minhas velhinhas fitas VHS de quase 15 anos chegou a me dar saudade do barulhinho do videocassete ao gravar filmes das TVs a Cabo e aberta, comprimindo dois ou três deles num único rolo magnético de seis horas de gravação – quem gravava lembra, bastava acionar o modo SLP/EP. E daí que a qualidade de som e imagem era inversamente proporcional ao tempo estendido da gravação? Afinal, Coração Valente e Fogo Contra Fogo, ambos com cerca de 170 minutos e dois dos meus preferidos até hoje, não caberiam em apenas duas horas de REC aceso em vermelho. Mas divago.

O advento do DVD facilitou muito minha vida. Foi com os disquinhos que pude dizer que tinha uma coleção decente. Acho que o primeiro deles, Minority Report – A Nova Lei, quase furou de tanto ser tocado no DVD player. Ali descobri o fabuloso mundo dos ‘extras’: making of, bons documentários, informações inúteis, galeria de fotos, jogos interativos, etc. Ah esse negócio maravilhoso chamado DVD Duplo, fascínio e dinheiro indo para o ralo – como o androide Gigolô Joe diz em A.I. – Inteligência Artificial, “hoje em dia, nada custa mais que a informação”.

Gastei uma boa grana com filmes e olha que nem sou um grande colecionador, apesar dos 220 filmes que estão nas minhas prateleiras. Eu disse “gastei”? Inocente. Aqui vou parafrasear Edward Norton em Clube da Luta: quando estava quase satisfeito, eis que me surge o Blu-ray.

“Isso é blu-ray! Qualidade de imagem e som em alta definição! O filme como ele foi criado para ser assistido”, informa a publicidade do novo formato a tomar as lojas e as salas de nossas casas. E isso não é ótimo? Sim – Avatar em HD é coisa linda – e não, já que eu vou ter que substituir a minha coleção inteira. Reparou como os DVDs têm baixado de preço? Pois é, os Blu-rays não, e logo eles farão com o Digial Video Disc exatamente o que ele fez com o VHS: extinção. Enfim, é o modo capitalista de mover as compras, certo? Novidade sempre para você ter onde pôr seu suado dinheiro. Mas divago novamente.

Assim, os títulos repetidos já começam a aparecer: Kill Bill vol. 1 e Amélie Poulain foram só os primeiros. A TV teve que ser trocada e o aparelho de DVD hoje pega poeira na estante, bem ao lado do vistoso Bly-ray player. A difícil vida de um colecionador de filmes… Não é bom nem comentar as versões especiais de filmes que se pode encontrar por aí: gift set, book set, steelbook e uma maleta importada de A Origem com três discos, cartões, livreto e o totem de Cobb (Leonardo DiCaprio) que nunca vou ter. O que ainda me consola um pouco é que não sou um seguidor d’A Força, pois apesar obrigatórias, nunca compro nenhuma das caixas de Star Wars. Motivo: George Lucas lança todo ano um produto diferente da saga de Anakin e Luke Skywalker. Já tem a trilogia clássica com e sem novos efeitos visuais, a nova trilogia, os seis filmes juntos, os filmes avulsos, as novas caixas em Blu-ray… E o 3D vem por aí. Os bolsos de Jedis e Padawans sofrem.

*Texto originalmente publicado na Resvista Meio & Midia CULT (ed. 71) – Abril de 2011

4 responses

  1. Eduardo Almeida

    Ai meu Santo dinheirinho Batman!!!!

    22 de Maio de 2011 às 4:43 PM

  2. Eu que o diga!!! Essas malditas edições de colecionador, gift set, steel book e similares ainda vão me levar à falência.
    Mas não existe nada mais bacana do que olhar para a estante e ver elas ali, em todo o seu esplendor, ou quando os amigos vão em casa e conferem toda a beleza do material criado pelos estúdios.

    Gift set do Ben-Hur e Cidadão Kane, vocês serão os próximos! hehe

    23 de Maio de 2011 às 9:02 PM

    • As minhas compras em escala industrial ainda me quebram

      23 de Maio de 2011 às 9:54 PM

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s