Go ahead, punk. Make my day.

Resumo (8 a 14 jul)

blade_ver2Blade – O Caçador de Vampiros (Blade, 1998). De Stephen Norrington

Ainda que pese a influência visual e nas lutas de filmes orientais, Blade, de 1998, antecipa bem o que as plateias pelo mundo iriam apreciar no ano seguinte em Matrix. Vamos da óbvia pancadaria às câmeras lentas, que ajudam efeitos visuais que buscam detalhes, como um vampiro partido ao meio em certo momento. Mas vamos além, com o sobretudo do personagem-título e até a escolha  do ambiente de uma boate logo na abertura do longa. Isso sem contar nas músicas eletrônicas que tomam boa parte da trilha. Claro que a profundidade da história do longa dos irmãos Wachowski é maior que essa história de um caçador de vampiro que tem um pé na tumba dracúlea. Este foi, também, o último grande papel de Wesley Snipes no Cinema – pelo menos até agora. E mesmo que os efeitos visuais tenham uma boa intenção visual, não chegam nem aos pés do que a trama sobre Neo e cia. trouxe em termos competência e inovação técnica. O que não diminui Blade como obra de ação sem muita preocupação com uma trama reflexiva, mas que ande e tenha momentos de virada razoáveis. Aí, no meio de tudo isso, podemos ver tiros, socos e lâminas trazendo a diversão. Fora que Snipes, mesmo sendo limitado, rivaliza bem com a carismática atuação de Stephen Dorff. Opa, mas calma lá, como é? Tem uma cena em que militares armados esperam o protagonista sair de um elevador escondidos atrás de pilares? Em seguida o pau quebra? Acho que vi Neo fazer isso também. Nota: 8

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s