Go ahead, punk. Make my day.

Resumo (19 ago a 1º set)

iron_man3-posterHomem de Ferro 3* (Iron Man 3, 2013). De Shane Black

Não dá pra dizer que mais uma aventura de Tony Stark nos cinemas tem boa intenção, ainda que injete sangue novo na franquia – a gente sabe que o objetivo é mesmo a grana. É um filme bem diferente do que já foi visto na tela grande sobre o herói, a começar por sua pequena quantidade de cenas de ação com qualquer tipo de traje durante o desenvolvimento do longa. Não, mas isso não é o que estraga o filme, dali surgem até boas sequências. O problema é a vilania do longa. Não é possível discorrer muito sobre os inimigos de Stark sem entregar segredos, mas acredite, há um tipo de anticlímax a certa altura que nem a excelente atuação de Ben Kingsley salva – e olha que temos um Guy Pearce se divertindo muito em cena. Mas é difícil conseguirmos apreciar uma bela luta do Homem de Ferro contra qualquer um deles quando duas dezenas de armaduras se mostrem um tanto tontas, sendo a Mark 42 quase uma autoparódia. Fora que há conceitos demais que ficam um tanto subentendidos, como o motivo de Stark simplesmente não usar a energia de seu peito para alimentar um traje de volta para um lugar seguro e o colocar ridiculamente preso a uma bateria. E o que dizer do desperdício de Rebecca Hall em um papel que não acrescenta nada à trama depois da primeira aparição? Fora que o longa cria uma excelente dinâmica entre o protagonista e uma criança a certa altura para esquecê-la em seguida. Além disso, o que deveria ser uma coisa legal não convence: Potts com poderes. Nota: 6

face-off-movie-posterA Outra Face (Face/Off, 1997). De John Woo

Bons tempos em que John Woo tinha tanta inspiração que faz um filme com quase 140 minutos de cenas de ação que não cansam e empolgam (muito). O ritmo e a bizarrice desse filme, no qual John Travolta e Colas Cage trocam de rostos, é algo realmente ímpar. Fora que o trabalho dos dois atores é precioso em canastrice e exagero quando necessários e ainda colocam uma camada de drama e testosterona que nem os momentos nos quais os dublês são nítidos conseguem estragar a brincadeira. Acrescente ainda o incrível trabalho de Joan Allen, cuja personagem parece perdida o tempo todo e não se passa por uma boboca. A direção, ainda que escorregue na questão dos dublês, cria inúmeras passagens brilhantes como aquele em que os antagonistas se olham no espelho, já no fim do longa, antes de atirarem ou aquele em que o estilo prevalece e Cage sai de um carro com um sobretudo que será trocado por um blazer (tudo em câmera lenta). Aliás, estilo é o que não falta. A glamourização de explosões, tiros e vilões só torna as coisas mais divertidas e o trabalho policial ainda mais valorizado do ponto de vista cinematográfico – e tome fogos de artifício e as famosas pombas em slow típicas de Woo. Talvez esse seja seu melhor filme. Nota: 8,5

john-carter-posterJohn Carter – Entre Dois Mundos* (John Carter, 2012). De Andrew Stanton

Essa é uma produção que tenta (mas tenta de verdade) ser relevante, adapta um livro clássico de Edgar Rice Burroughs, investe uma grana pesada em efeitos visuais e busca evitar clichês como a mocinha em perigo. Mas tudo fica no campo da tentativa. O roteiro sem muita profundidade não se mantém pelo carisma (ainda que o tenha de sobra), pois é difícil ganhar a plateia com reviravoltas colocadas lá por pura conveniência (quando, por exemplo, descobre-se a paternidade de determinado personagem). O problema mesmo é quando a falta de aprofundamento é confundida com aquelas descobertas que parecem ser complexas, mas não passam de embromação e criam mais confusão que esclarecimentos com suas explicações, vide a cena em que o personagem-título acha um caminho para casa por meio do nono raio (wtf?!?). De qualquer maneira o esmero visual e as boas cenas de ação garantem o programa até o fim da produção – que ainda tente uma reviravolta final que não surpreende ninguém. Muitos ecos de Avatar. Nota: 6

*Filme assistido pela primeira vez

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s