Go ahead, punk. Make my day.

Oscar 2014 – Os vencedores

12 Years a Slave - Oscar

Bom, não houve tantas surpresas e Gravidade não venceu o Oscar de Melhor Filme (apesar de ser). O que não me deixou triste, afinal, o filme de Alfonso Cuarón levou sete prêmios merecidos para casa. E ainda que muito digam que se tratam dos tais prêmios técnicos, é ótimo perceber que essas estatuetas foram para elementos “não-artísticos” que só trabalharam em favor da narrativa do longa-metragem. Não temos ali efeitos visuais ou um som poderoso como um fim em si, eles estão lá para contar a história. Da mesmo forma que a falta de som espacial se transformou em campo fértil para trilha originalíssima de Steven Price, a qual, em certos momentos, até substitui os próprios efeitos sonoros inexistentes. Isso sem contar na fotografia fantástica de Emmanuel Lubezki.

O vencedor do grande prêmio da noite foi 12 Anos de Escravidão, que ainda arrebatou os prêmios de Atriz Coadjuvante, com Lupita Nyong’o, e roteiro adaptado. Ficou óbvia a preferência da Academia nessa 86º cerimônia pelo filme de Steve McQueen, que serve para nos lembrar do racismo de sempre. Mas eu ri muito quando a apresentadora Ellen DeGeneres ironizou e disse que havia duas escolhas: ou davam o prêmio para 12 Anos de Escravidão ou todos seriam um bando de racistas.

Enfim, ainda que o filme do ótimo McQueen não seja a joia gravitacional de Cuarón, não dá pra ficar reclamando de uma decisão mais conservadora dos jurados, afinal, não estamos falando de uma derrota xarope como foi a de Brokeback Mountain para Crash, Cisne Negro para O Discurso do Rei ou Taxi Driver perder para Rocky – Um Lutador.

Por falar em Martin Scorsese, O Lobo de Wall Street perdeu em todas as cinco categorias paras quais foi indicado – inclusive melhor ator, com Leonardo DiCaprio -, enquanto Trapaça amargou uma derrota ainda maior, em 10 categorias. Matthew McConaughey e Jared Leto mostraram sua força por Clube de Compras Dallas e foram os atores vencedores da noite. OK, Cate Blanchett era a favorita, por Blue Jasmine, mas imaginei que Amy Adams, por Trapaça, poderia dar uma rasteira nela. Errei.

Já o U2 e Karen O., que tinham as melhores músicas indicadas, perderam para “Let It Go”, que, estranhamente, não teve Demi Lovato como intérprete durante a cerimônia.

Mas bacana mesmo foi ter a lembrança de Eduardo Coutinho no segmento In Memoriam desse ano.

E Jennifer Lawrence tropeçou e caiu de novo. Só que ela continua linda.

Vejam todos os vencedores da noite.

OSCARS

Melhor filme – 12 Anos de Escravidão
Melhor diretor – Alfonso Cuarón – Gravidade
Melhor roteiro adaptado – 12 Anos de Escravidão
Melhor roteiro original – Ela
Melhor ator – Matthew McConaughey – Clube de Compras Dallas
Melhor atriz – Cate Blanchett – Blue Jasmine
Melhor atriz coadjuvante – Lupita Nyong’o – 12 Anos de Escravidão
Melhor ator coadjuvante – Jared Leto – Clube de Compras Dallas
Melhor figurino – O Grande Gatsby
Melhor maquiagem e cabelo – Clube de Compras Dallas
Melhor animação em curta-metragem – Mr. Hublot
Melhor longa de animação – Frozen – Uma Aventura Congelante
Melhores efeitos visuais – Gravidade
Melhor curta-metragem – Helium
Melhor documentário em curta-metragem – The Lady in Number 6: Music Saved My Life
Melhor documentário em longa-metragem – 20 Feet From Stardom
Melhor filme estrangeiro – A Grande Beleza
Melhor mixagem de som – Gravidade
Melhor edição de som – Gravidade
Melhor fotografia – Gravidade
Melhor montagem – Gravidade
Melhor design de produção – O Grande Gatsby
Melhor trilha sonora – Gravidade
Melhor canção original – “Let it Go” – Frozen – Uma Aventura Congelante

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s